Ana səhifə

Autor do trabalho: adam heron de oliveira


Yüklə 14.14 Kb.
tarix15.06.2016
ölçüsü14.14 Kb.
PROGRAMA DE PÓS-GRADUAÇÃO EM

BIOCIÊNCIAS E BIOTECNOLOGIA APLICADAS À FARMÁCIA
AUTOR DO TRABALHO: ADAM HERON DE OLIVEIRA

TÍTULO DO TRABALHO: AVALIAÇÃO DAS ATIVIDADES ANTI-INFLAMATÓRIA E ANTIFÚNGICA DOS EXTRATOS DE Vismia guianensis (Aubl.) Choisy NA INFECÇÃO INDUZIDA POR Sporothrix schenckii


CURSO: Doutorado

DATA DA DEFESA: 23/02/2015

ORIENTADOR: IRACILDA ZEPPONE CARLOS

ÁREA DE CONHECIMENTO: IMUNOLOGIA
RESUMO: Vismia guianensis (Aubl.) Choisy, Hypericaceae ou Clusiaceae (Guttiferae), conhecida como lacre, foi escolhida para este estudo por ser usada popularmente no tratamento de diversas enfermidades, destacando-se o tratamento de micoses. O material vegetal foi coletado na cidade de Manaus-AM e os extratos vegetais foram obtidos das cascas do caule e das folhas secas e moídas. Foi realizada uma triagem fitoquímica com a finalidade de identificar as principais classes de metabólitos secundários presentes e verificou-se, portanto, a presença antraquinonas, flavonoides, taninos e saponinas. A partir dos extratos foram realizados ensaios para determinação do teor de flavonoides e fenólicos totais, atividade anti radicalar através da reação com DPPH e pela ação scavenger de O2-., atividade inibitória de peroxidases através da cinética de oxidação do guaiacol (2mM) pela HRP (7nM), H2O2 (0,1mM) e atividade anti-hemolitica através da hemólise promovida pelo radial AAPH. Ensaios de microdiluição foram realizados para avaliar a atividade antifúngica dos extratos in vivo e in vitro frente ao fungo Sporothrix schenckii. A análise da atividade imunológica foi feita através da determinação da produção e da inibição de NO, teste de viabilidade celular para as células do exsudato peritoneal e de cultura de células esplênicas. Também foi determinada a produção das citocinas IL-10, IL-4, IL-12, IFN- e TNF-. Embora apresente, de forma qualitativa, maior quantidade de substâncias antioxidantes o extrato das folhas teve menor atividade antiradicalar, na atividade inibitória de peroxidase e na atividade anti-hemolítica do que o extrato das cascas do caule. Nos ensaios de atividade antifúngica in vitro ambos extratos inibiram o crescimento do fungo na mesma concentração (CIM 3,9 µg/mL), enquanto que o Itraconazol apresentou CIM de 0,97 µg/mL.Por outro lado, nos ensaios in vivo o extrato das folhas reduziu a carga fúngica um pouco mais que o extrato das cascas do caule. Com relação a citotoxicidade ambos extratos mostraram ser pouco tóxicos para as células nas concentrações testadas (100 µg/mL, 50 µg/mL, 25 µg/mL). A inibição de NO e IFN- associadas a uma elevada produção de IL-10 indica a atividade anti-inflamatória dos extratos. Os resultados confirmam o uso popular da espécie V. guianensis no tratamento de infecções fúngicas e de doenças inflamatórias.
ABSTRACT: Vismia guianensis (Aubl.) Choisy, Hypericaceae or Clusiaceae (Guttiferae), known as “lacre”, was chosen for this study because it is widely used for the treatment of various diseases, with emphasis on the treatment of mycosis. The plant material was collected in the city of Manaus-AM and plant extracts were obtained from the stem bark and dried and ground leaves. One phytochemical screening in order to identify the major classes of secondary metabolites found to be present and therefore was performed, the presence of anthraquinones, flavonoids, tannins and saponins. From the extracts were carried out tests to determine the flavonoid content and total phenolic anti radical activity by reaction with DPPH and by the action of O2-. scavenger. Inhibitory activity of peroxidases by guaiacol oxidation kinetics (2 mM) by HRP (7 nm), H2O2 (0.1 mM) and anti-hemolytic activity by hemolysis promoted by radial AAPH. Microdilution tests were performed to evaluate the antifungal activity of the extracts in vitro and CFU count for in vivo fungus Sporothrix schenckii opposite. The analysis of the immunological activity was made by measuring the production of NO and inhibition of cellular viability test for peritoneal exudate cells and spleen cells in culture. Also was determined the production of the cytokines IL-10, IL-4, IL-12, IFN- and TNF-. Although it has qualitatively, the greater amount of antioxidants the leaves extract had lower antiradical activity, the inhibitory activity of peroxidase and anti-hemolytic activity of the extract of the stem bark. In Antifungal activity in vitro assays both extracts inhibited fungal growth at the same concentration (MIC 3,9 µg/mL), whereas itraconazole showed an MIC of 0,97 µg/mL. Por other hand, in the tests in vivo leaves extract reduced the fungal load a bit more than the extract of the stem bark. With respect to cytotoxicity both extracts showed to be slightly toxic to the cells at the concentrations tested (100 µg/mL, 50 µg/mL, 25 µg/mL). Inhibition of NO and IFN- associated with high IL-10 production indicates anti-inflammatory activity of the extracts. The results confirm the popular use of V. guianensis species in treating of fungal infections and inflammatory diseases.

BANCA EXAMINADORA:

Membros Titulares

Profa. Dra. IRACILDA ZEPPONE CARLOS - Orientadora

Prof. Dr. ALEXANDER BATISTA DUHARTE

Prof. Dr. JOSÉ CARLOS REBUGLIO VELLOSA

Profa. Dra. LUCIANA SIMON PEREIRA CROTT

Profa. Dra. ANA MARISA FUSCO ALMEIDA



Membros Suplentes:

Profa. Dra. DAGMAR RUTH STACH-MACHADO

Profa. Dra. EMERSON SILVA LIMA

Prof. Dr. ANDRE GONZAGA DOS SANTOS



BIBLIOTECA DEPOSITÁRIA:

Biblioteca da Faculdade de Ciências Farmacêuticas de Araraquara-UNESP - Rodovia Araraquara-Jaú, km 1 – Araraquara-SP


Verilənlər bazası müəlliflik hüququ ilə müdafiə olunur ©kagiz.org 2016
rəhbərliyinə müraciət